Vive e deixa viver!

Vive e deixa viver!

Oscar Quiroga

04 de fevereiro de 2014 | 02h40

 

4-2-14 – terça-feira – Das 2h40 até 21h14, horário de verão de Brasília, a Lua que cresce em Áries está em oposição a Marte.

Da mesma forma com que Tu, que estás aí dentro de tua própria vida, há também outras entidades humanas na mesma condição, e todas, sem exceção, pretendem realizar seus próprios desejos, nem que for para testar o alcance desse poder.

A conclusão é, ou há espaço e tempo para todos “fazerem arte”, ou a existência vai continuar um longo e sinuoso processo de disputar território, convertendo-se essa disputa no protagonista principal do roteiro.

Vive! Mas deixa que teus semelhantes vivam também, outorga a eles e elas o mesmo direito com que unges tua consciência, há de haver espaço e tempo para tudo e para todos, ou acabará que ninguém conseguirá fazer nada além de se envolver na disputa por território.

Se os rosnados, grunhidos, guinchos e gritos te assustarem e inibirem e decidires conceder espaço aos que avançam com brutalidade e destemor, faze isso, porém, não desistas, há de haver espaço para ti também, e se não aprecias tomá-lo pela força, como fazem os que te inibem e intimidam, então encontra teu modo particular, mas avança. A existência é uma oportunidade preciosa demais para que o tempo seja gasto com tarefas sem sentido, enquanto Tu, aí dentro de tua própria Vida, aguardas pela oportunidade de avançar.

O avanço não será automático, precisas te abrir passagem.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.