Veneno mental

Veneno mental

Oscar Quiroga

30 de novembro de 2013 | 02h04

 

Às 2h04 de sábado 30-11-13 a Lua que míngua ingressou em Escorpião e está em trígono com Netuno, sextil com Plutão e conjunção com Saturno até 7h19 de domingo 1-12-13, horário de verão de Brasília. No mesmo período, Sol e Urano em trígono.

Arruma tuas coisas sem prestar atenção a esses pensamentos enfadados que formulam constantes brigas com as pessoas que supostamente empurraram a ti esse trabalho de arrumar as coisas, não tendo elas feito a parte que lhes tocava.

Essa acusação de que nossa humanidade não cumpre seu papel e empurra tarefas às outras circula com a mesma velocidade do que as próprias tarefas; esse jogo de acusações, culpas e responsabilidades é venenoso, impede que cumpras sequer tua parte, quanto menos a que não caberia a ti cumprir. Porém, a mente insiste em destilar esse veneno.

Neste momento faz o possível para resolver as obrigações e quaisquer assuntos que estejam em teu colo para resolver, faze isso a despeito de mentalmente teres o convencimento de que essas tarefas não te dizem respeito.

No jogo de culpados e vítimas ninguém ganha, todos perdem.

Agora é propício organizar, planejar, resolver, fazer, enfim.

E se te interessa resolver os presentes de final de ano, encontra neste período um momento propício, mas não te aventures em gastos desmesurados, prefere gastar pouco, envolvendo teu coração em cada presente, mandando uma mensagem que seja independente do tamanho do gasto.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.