Sentir

Sentir

Oscar Quiroga

20 de novembro de 2013 | 09h24

 

Às 9h24 de quarta-feira 20-11-13 a Lua que míngua ingressou em Câncer e está em trígono com Netuno, quadratura com Urano e oposição a Plutão até 5h20, horário de verão de Brasília. No mesmo período, Mercúrio e Plutão em sextil.

Tu sabes tudo, porque sentes. Tu sabes que todas essas mentiras nas quais preferes acreditar porque te são convenientes, indiferentemente de quais sejam os motivos de tua conveniência, sabes que todas essas são mentiras mesmo.

Acontece apenas que um dia todas as mentiras te oprimirão, porque por trás dessas está a Vida, que só sabe ser inteira, nunca fracionada, e acontece que a mentira é o exercício do fatiamento da realidade, uma mágica de nossa humanidade: “agora você me vê, agora você não me vê”.

Agora você enxerga com clareza tudo que é real, porque você sente; agora você não enxerga nada além de aparências e enganos, porque você prefere não considerar o que você sente.

O que você sente, porém, é real, você não precisa de provas além da sensação, essa é a conexão entre sua alma e a realidade.

O dia em que a telepatia tiver se tornado uma função tão natural em nossa humanidade quanto atualmente é ir dormir, então a vergonha não terá mais vez e junto com essa terá ido embora esse exercício mágico, no pior sentido da palavra, que é mentir.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: