Sábado à noite

Sábado à noite

Oscar Quiroga

31 de maio de 2013 | 16h58

 

Das 16h58 de sexta-feira 31-5-13 até 1h31 de domingo 2-6-13, horário de Brasília, a Lua quarto minguante de Peixes está em quadratura com Júpiter e Vênus. No mesmo período, Sol e Urano em sextil.

Noite de exageros, sincronizada com o mundial fenômeno “sábado à noite”.

Quem não apreciar esse clima, melhor ficar em casa a ouvir, ao longe, o cantar dos pneus, a gritaria, as sirenes dos carros de polícia, a música em alto e bom som, a vibração no ar de uma sexualidade que vai fazendo a consciência começar com elevados níveis de exigência, mas que no passar das horas se conforma com qualquer coisa, encerrando-se na sua imaginação enquanto se refestela na sarjeta.

Enfim, mas para que criticar nossa humanidade? De tão oprimida que anda acaba se aproveitando de qualquer brecha na tentativa de encontrar alívio, mas acaba dando de cara com mais opressão, porque o busca nos lugares equivocados.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.