Os olhos veem o que podem ver

Os olhos veem o que podem ver

Oscar Quiroga

10 de junho de 2012 | 08h34

Das 8h34 de domingo 10-6-12 até 7h42 de segunda-feira 11-6-12, horário de Brasília, a Lua de Peixes está em quadratura com Vênus e oposição a Marte, completando sua fase quarto minguante.

O clima é tenso e a tolice humana imagina panoramas terríveis quando tomada pela apreensão do que desconhece.

Se tola não fosse lhe sobrariam olhos para enxergar que a tensão anuncia a presença de algo belo e grandioso; inspiração para aqueles que dependem de idéias, energia de ação para os pragmáticos, aventura maravilhosa para os que pretendem divertir-se ou mesmo epifania transcendental para os que trilham o caminho místico.

Cada humano verá o que conseguir ver, inclusive verão infernos infinitos de sofrimento aqueles que se afeiçoaram à dor como uma droga e não conseguem imaginar que poderiam viver sem ela.

Domine sua imaginação e a conduza a territórios benéficos, ou, se não for capaz disso e você tiver treinado sua mente para se deleitar com o terror, então seja bem-vinda sua alma ao inferno que ela mesma teima em martelar cotidianamente, como se fosse uma droga sem a qual não conseguiria existir.

A tensão é real, não há como negá-la, já o direcionamento dessa é absolutamente imaginário, o que não diminui seu impacto nem um pouco, até pelo contrário, sendo subjetivo seu direcionamento fica sob a responsabilidade do livre arbítrio humano lhe dar o sentido que assim desejar, ou conseguir imaginar.

Domingo de descanso e sossego não será, porém, não será tampouco um inferno, a não ser que assim você o deseje, evidentemente, sem confessar que isso deseja, sequer para sua própria alma.

Domingo de tensão criativa será se você conseguir deter as rédeas de sua própria mente e conduzir os pensamentos à elevada dimensão onde possam desfrutar de inspiração e adquirir motivação suficiente para ir além do que a lógica estipularia.

Próximo boletim será publicado às 7h42 de 11/6/12

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.