O inferno do progresso

O inferno do progresso

Oscar Quiroga

28 Janeiro 2014 | 03h04

 

Às 3h04 de terça-feira 28-1-14 a Lua que míngua ingressou em Capricórnio e está em sextil com Netuno, quadratura com Urano, conjunção com Plutão, oposição a Júpiter e conjunção com Vênus até 0h57 de quarta-feira 29-1-14, horário de verão de Brasília.

Faze bem o que tens para fazer, aprimora teu desempenho, brilha sem pudor. Logo verás que, diante dessa atitude, aparecerão pessoas que fazem o possível para te demonstrar desprezo e te criticam, como se fazer bem o que fazes seria apenas uma vontade de aparecer, sem nenhum conteúdo a sustentar o desempenho.

Essas pessoas fingirão tão bem que te desprezam que nem elas mesmas saberão que fingem, mas Tu saberás desse fingimento porque as encontrarás em algum momento do futuro e elas estarão te imitando.

Contudo, não faças disso um objetivo, te torna indiferente a esses sintomas de bobagem social, o mundo humano é complexo, mistura diferentes níveis de visão e aproximação à verdade, o que torna tudo muito complicado.

Cuida, isso sim, para não te transformares em mais uma dessas almas que alimenta o ciclo da injúria, mediante o qual a ralé ocupa o governo. A ralé não é exclusividade de classes sociais, mesmo entre os que se pensam integrantes da elite, porque possuem dinheiro, há muitos que não possuem o mínimo élan para serem o que pensam merecer, e isso torna o ciclo da injúria ainda mais injurioso.

Por isso, te torna impermeável ao que te agrada e também ao que te desagrada, continua progredindo porque te aprimoras, porque conheces o poder e força das conexões e porque fazes por merecer.

Só assim conquistarás real progresso, um duradouro, estável apesar dos altos e baixos que normalmente devem ocorrer nesse caminho.