O Eu real

Oscar Quiroga

14 de setembro de 2011 | 13h26

 

Das 13h26 de quarta-feira 14-9-11 até 14h11 de quinta-feira 15-9-11, horário de Brasília, a Lua que míngua em Áries está em quadratura com Marte e sextil com Netuno. No mesmo período, Mercúrio e Júpiter estão em trígono.

 

Dentre todos os Eus que há em você: o Eu que você gostaria ser, o Eu que mandaram você ser, o Eu que você detestaria ser, o Eu que precisa ficar bem na foto, o Eu que odeia grande parte da vida que leva, o Eu que luta para ser alguém melhor, o Eu que desiste e se entrega à infâmia, enfim, a lista de Eus que há integrados nessa dimensão complexa da identidade é enorme. Porém, dentre todos esses Eus há só um que é essencial, o Eu real.

O Eu real é feito de um ardor que produz sonhos e imaginações e emite a vocação para que você se consagre a ser esse Eu através de obras concretas, atrevendo-se a dar os passos pertinentes que aproximem sua existência dessas obras.

Este é o momento em que esse ardor essencial emite a vocação num tom alto e claro, para ninguém fingir que nada ouviu e que nada sabe.

A partir de então, só faltará você decidir consagrar-se a viver a vida de acordo com esse ardor essencial, com o Eu real, que é, dentre todas, a melhor influência que sua presença pode exercer entre o céu e a terra. Não será mais você recebendo ou sendo moldado por influências, mas se tornando presença influente.

 

Próximo boletim será publicado às 14h11 de 15/9/11

 

Tudo o que sabemos sobre:

Lua em Árieslua mínQuirogaSincronia

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: