No fim tudo dá certo

No fim tudo dá certo

Oscar Quiroga

17 de junho de 2013 | 20h49

 

Das 20h49 de segunda-feira 17-6-13 até 0h56 de quarta-feira 19-6-13, horário de Brasília, a Lua que cresce em Libra está em quadratura com Vênus e Mercúrio, e trígono com Júpiter.

No fim tudo dá certo, e se não está certo ainda, é porque o fim não chegou. Quer um raciocínio mais otimista do que esse? É tão, mas tão otimista que nem dá para acreditar nele!

Porém, se você o aplicar de forma pragmática a um evento em especial, que não seja muito longo nem tampouco muito complicado, você comprovará que há algo de verdadeiro no provérbio.

Este é um período, por exemplo, que pode começar cheio de complicações e eventos retorcidos, o tipo de situação que normalmente serviria para sua mente formular um montão de profecias sinistras e se autoavaliar de forma negativa.

Porém, se você persistir na idéia de que no fim tudo dará certo e não deixar isso nas mãos do mistério, mas fizer a sua parte, se empenhando em cumprir todos os assuntos que estiverem ao seu alcance, então comprovará que só não estava dando certo porque ainda não tinha chegado ao fim.

O destino final é as coisas darem certo para você.

Formule suas idéias, que sejam curtas e não muito complexas, inicie o caminho, enfrente as adversidades, aproveite-as para reformular suas estratégias e, com muito empenho, conduza as negociações para atingir o fim, que é as coisas darem certo para você.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.