Momento intenso e profundo

Oscar Quiroga

19 de março de 2012 | 21h05

Às 21h05 de segunda-feira 19-3-12 a Lua que míngua ingressou em Peixes e está em conjunção com Netuno e oposição a Marte até 11h25 de terça-feira 20-3-12. No mesmo período, o Sol ingressa em Áries, exatamente às 2h14 da terça-feira, horário de Brasília.

Neste momento intenso e profundo, sincrônico ao ciclo lunar ocorre também o equinócio de Março, o momento em que nosso planeta recebe iguais horas de luz e de sombra, o dia em que se torna possível recuperar o fio de meada e reiniciar o tortuoso caminho entre o céu e a terra com ânimo renovado.

Neste momento profundo e intenso em que sua alma provavelmente se sente propensa a se deixar levar por alguma paixão, pois não suporta mais viver uma vida mais ou menos, não! Sua alma quer mais, sua alma não quer sobreviver, sua alma quer viver intensa e profundamente, sem dilemas, sem nada que seja forte o suficiente para fazê-la desistir do objeto ou sujeito do seu desejo; neste momento que é assim, tão intenso e profundo ao mesmo tempo, pela órbita alegre e bela de nosso também belo planeta, acontece o equinócio de Março, que é quando todos recuperamos a chance de refazer nossos caminhos e consertar erros para que tudo continue da melhor forma possível.

Valerá a pena, então, dar uma parada estratégica para revisar os pensamentos e emoções e, assim, evitar se meter em encrencas desnecessárias como resultado da impaciência e, pelo contrário, concentrar a mente em objetivos mais elevados, os quais, ainda que tomem muito tempo para realizá-los, mesmo assim produzirão benefícios pela mera iniciativa de conquistá-los.

Este é um momento intenso e profundo, cuide para não estragá-lo confundindo questões banais e superficiais com assuntos verdadeiramente intensos e profundos.

Próximo boletim será publicado às 11h25 de 20/3/12

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: