Melhor começar tudo do zero

Oscar Quiroga

01 de novembro de 2011 | 20h09

Às 20h09 de terça-feira 1-11-11 a Lua ingressou em Aquário onde permanece em quadratura com Júpiter e completa sua fase quarto crescente até 14h38 de quarta-feira 2-11-11, horário de verão de Brasília. No mesmo período, Vênus ingressa em Sagitário.

É melhor construir tudo novo do que tentar reformar o antigo.

Esta é a afirmação constante do espírito de nosso tempo, que não admite reformas, pois essas significariam carregar no ventre os vícios do passado e por isso mesmo não progredir do jeito que é disponível.

Destruição criativa é o passo essencial e condição fundamental para que o progresso se dê da melhor forma possível para o maior número possível de seres humanos.

Porém, a resistência é o problema que temos de enfrentar.

Resistência que se manifesta institucionalmente, moralmente, civilizadamente e também na intimidade do Ser.

Para driblá-la acontecem períodos como este, em que a dispersão mental é tamanha que não é possível focar a mente com a firmeza necessária para resistir e, por isso, as coisas passam despercebidas, o que acaba sendo um golpe de sorte para o avanço da reinvenção. É como se os guardiões da resistência maligna dessem um cochilo e esse fosse aproveitado devidamente para o avanço.

Neste momento poderemos testemunhar os Grandes do Mundo cometerem trapalhadas inadvertidas, mas também poderemos testemunhar a nós mesmos nos atrapalhando na tentativa de argumentar com as mesmas razões de sempre enquanto na prática perdemos a razão há muito tempo.

O que não deixa de ser um benefício, considerando que essas razões se arraigaram num passado que não é mais.

Próximo boletim será publicado às 14h38 de 2/11/11

Tudo o que sabemos sobre:

Lua cresceLua em aquário

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: