Firmeza

Firmeza

Oscar Quiroga

13 de outubro de 2013 | 17h57

 

Das 17h57 de domingo 13-10-13 até 18h29 de segunda-feira 14-10-13, horário de verão de Brasília, a Lua que cresce em Aquário está em oposição a Marte.

Quando a firmeza se faz necessária, de pouco adianta tentar dourar a pílula, nem sequer pelo teoricamente bom motivo de não magoar alguém.

A firmeza, quando necessária, não é agressiva, pode soar como agressiva, mas é apenas firmeza, a apresentação de um limite que a urgência tornou imprescindível manifestar.

Quem for alvo da firmeza se queixa amargamente de agressão e inicia um conflito que diverge do ponto que teria de ser esclarecido em primeiro lugar: houve anteriormente sinais e avisos suficientes para evitar o confronto com a firmeza, por que não foram atendidos?

A força da gravidade, por exemplo, não demonstra as limitações do seu corpo com suavidade ou argumentações teóricas, quando você fizer movimentos extravagantes que seu corpo não aguentar, ou quiser fazer algo para que seu corpo não estiver preparado, a força da gravidade o demonstrará a você com plena firmeza, e aguente você o tranco!

A firmeza é também sinal de amor, que o digam os pais, sempre desejosos que seus filhos conheçam limites antes de que a vida, em idade adulta, a demonstre com maior força ainda.

Sua alma não está aqui para levar desaforo para casa nem suportar insistentes e repetitivos abusos, se chega sempre ao momento em que se torna propício apresentar a resposta firme para isso acabar.

Esse momento é agora!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: