Fim do suspense

Fim do suspense

Oscar Quiroga

02 de julho de 2012 | 19h52

Às 19h52 de segunda-feira 2-7-12 a Lua quase Cheia ingressou em Capricórnio e está em sextil com Netuno, conjunção com Plutão e quadratura com Urano até 9h45 de terça-feira 3-7-12, horário de Brasília. No mesmo período, Marte ingressa em Libra.

Neste curto espaço de tempo, que nestes tristes trópicos recai na sua maior parte à noite, se reinicia definitivamente o que ficou em suspense e contido desde novembro de 2011.

Observe o desenrolar de seus particulares assuntos e perceba o quanto algo deve ter ficado em suspense desde então e, a partir de agora, promova o reinicio da dinâmica que passou todo esse tempo contida.

Podem ser assuntos pequenos ou banais, assim como também alguns de grande porte. O tamanho não importa, o que interessa é cultivar a percepção da SINCRONIA que há entre os movimentos cósmicos e a existência humana aqui na Terra.

Abrir as comportas do que esteve contido poderá trazer, em primeiro lugar, alguns efeitos não muito agradáveis, pois seria algo assim como abrir a porta de uma jaula onde está aprisionada uma fera que não recebe alimento há algum tempo.

Porém, melhor assim, que se liberte tudo e que assim as coisas adquiram a dinâmica que lhes seja inerente, para promover o bem do maior número possível de pessoas.

Próximo boletim será publicado às 9h45 de 3/7/12

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.