Fringe: gravação de dois episódios finais aumenta possibilidade de renovação

Estadão

14 de abril de 2012 | 14h29

Fringe

Foto: Reprodução

Quem é fã de Fringe sabe que a série tem passado por momentos difíceis. O show tem sobrevivido graças à mobilização do reduzido mas leal público. Entenda, até os altos executivos da Fox gostam muito de Fringe, mas a verdade é que a série não dá audiência. E por ser uma ficção sobre mundos paralelos, elementos fantásticos e afins, o custo com efeitos especiais dobra, piorando a situação. No entanto, o que não se pode negar é que o projeto é muito bom, com roteiro impecável. É por isso que a decisão de cancelar ou renovar Fringe é tão difícil. Eu, como fã, espero sempre pela renovação – vamos lá, Fox!

Sem mais delongas, as últimas declarações da produção e dos atores à imprensa nos deixam esperançosos de uma possível quinta temporada. A declaração mais recente é de John Noble (o nosso querido Walter) ao site TV Line. “Nós gravamos dois finais diferentes”, contou o ator. O próprio Joshua Jackson ( Peter Bishop) havia dito na última quinta-feira que os roteiristas foram informados que poderão contar uma nova história para a quinta temporada, mas sem deixar o enredo deste ano em aberto . De acordo com John Noble, as grandes questões de Fringe serão respondidas até o fim desta temporada em 11 de maio (EUA), como o fato de que Olivia “deveria morrer”, como disse um dos Observadores, e a responsabilidade de Walter Bishop em relação ao colapso dos dois universos. Além disso, os fãs poderão se surpreender com algo relacionado ao vilão da série, David Robert Jones (Jared Harris). Segundo John Noble, há “algo ainda maior” por vir. Enquanto isso, a Warner Bros. e a Fox negociam o futuro de Fringe e suas “infindáveis impossibilidades”. É esperar para ver.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.