O canal A&E traz de volta ‘Cold Case’, clássica série de investigação policial

Sucesso do início dos anos 2000, seriado mostra equipe da agente Lily Rush (Kathryn Morris) tentando solucionar antigos crimes

Eliana Silva de Souza

10 de outubro de 2019 | 11h29

Cena da série 'Cold Case' (foto Canal A&E)

Cena da série ‘Cold Case’ (foto Canal A&E)

Chega ao canal A&E, a partir desta quinta, 10, às 21h10, a série Cold Case, um clássico policial dos anos 2000, feito em sete temporadas. A cada episódio, acompanhamos o trabalho de investigação da Divisão de Homicídios da Filadélfia. Agentes são responsáveis por solucionar crimes antigos, que não conseguiram ser resolvidos. São casos de anos ou até décadas passadas.

No episódio de estreia, o caso a ser resolvido será de um tiroteio em um shopping, em que dois adolescentes mataram e feriram várias pessoas e, em seguida, se mataram. Ao descobrir um novo suspeito, a equipe da agente Lily Rush (Kathryn Morris) reabre o caso.

Uma característica da série, que faz a diferença, é que o encerramento de cada episódio tem uma música diferente, mas que é relacionada ao tema abordado ou um dos personagens. E o canal, para comemorar a estreia, criou uma playlist no Spotify, reunindo as melhores canções que integram a trilha da série.

Canal exibirá dois episódios inéditos por semana, às 21h10 e 22h.

***

LOUCURA
Pesquisa do Google Trends revela os atores que interpretaram o Coringa mais buscados no Brasil desde 2004. Em primeiro, surge Jared Leto seguido de Heath Ledger, Jack Nicholson, Joaquin Phoenix, Mark Hamill, Cesar Romero, Troy Baker, Michael Emerson, John DiMaggio e Kevin Michael Richardson.

***

RETORNO EM ALTA!
A volta da novela Avenida Brasil às tardes da Globo registrou, no primeiro dia, 23 pontos de audiência e 44% de participação, em São Paulo. A marca só ficou atrás de O Rei do Gado, que estreou com 25 pontos, em 1999, no Vale a Pena Ver de Novo – programa de reprises de novelas no ar há 20 anos. Assim, Avenida superou os índices registrados em 43 novelas anteriores. Os números também foram bons no Rio de Janeiro, que chegou à marca de 24 pontos e 50% de participação, maior audiência desde 2009, quando Alma Gêmea registrou 25 pontos.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Televisão

Tendências: