‘Novo Mundo’ ocupa grande área da cidade cenográfica do Projac

‘Novo Mundo’ ocupa grande área da cidade cenográfica do Projac

Gabriel Perline

22 de fevereiro de 2017 | 08h28

Letícia Colin dará vida a Imperatriz Leopoldina na novela 'Novo Mundo' | Foto: Raquel Cunha/Divulgação/Globo

Letícia Colin dará vida a Imperatriz Leopoldina na novela ‘Novo Mundo’ | Foto: Raquel Cunha/Divulgação/Globo

Reproduzir o Rio de Janeiro do século 19 tem sido uma tarefa grandiosa para a Globo com Novo Mundo, sua nova novela das seis. Para isso, reservou uma fatia generosa de sua cidade cenográfica, equivalente a 10 mil m², para instalar os ambientes que servirão como pontos centrais da trama.

O Paço Imperial é o maior e mais alto prédio feito nos Estúdios Globo (Projac), reproduzindo o equivalente a 50% do tamanho real.

O Paço tem 1.262 m² de área construída, sendo 43 m lineares de fachada só na frente voltada para o largo do Paço, e 14,6 m de altura divididos em blocos de dois e três andares até a cumeeira do telhado, que representa como foi mantido o edifício após o restauro.

O trabalho é encabeçado pelo cenógrafo Paulo Renato e sua equipe, formada por mais 17 profissionais.

Mais conteúdo sobre:

Novo MundoGloboLetícia Colin