‘Irmão do Jorel’ volta para a terceira temporada com amadurecimento de personagem

‘Irmão do Jorel’ volta para a terceira temporada com amadurecimento de personagem

Estadão

16 de julho de 2018 | 09h00

Pedro Rocha
Especial para o Estado

A série animada infantil Irmão do Jorel, produção brasileira do canal pago Cartoon Network, chega nesta segunda-feira, 16, a sua terceira temporada. O episódio de estreia vai ao ar às 19h15, depois de uma maratona com episódios do segundo ano, que começa às 8h.

A nova temporada começa exatamente de onde a anterior parou, com a melhor amiga do protagonista, Lara, viajando para o Japão. Essa grande mudança na vida do Irmão do Jorel vai fazer o personagem amadurecer, na opinião do seu criador, Juliano Enrico. “Ele vai ter que lidar com a falta de uma pessoa que muito importante para ele”, acredita. “Sem a Lara, ele vai ter que sair da sua zona de conforto para encontrar novos amigos e tomar algumas decisões sozinho.”

O Irmão do Jorel relembra a infância com a melhor amiga Lara em episódio de flashback da terceira temporada da série. Foto: Cartoon Network

Sem Lara, o Irmão do Jorel vai se aproximar de outros personagens da série, como a vovó Juju e Nico. “O Seu Edson vai crescer muito nessa temporada e vamos ver outros lados de personagens que a gente ainda conhece pouco.” Novos personagens também vão aparecer, como um tomate rapper, na voz do cantor Criolo.

++ Conheça a ‘dupla dinâmica’ por trás do sucesso da animação ‘Irmão do Jorel’

A nostalgia, característica marcante das primeiras temporadas, é parte fundamental da terceira. Num episódio liberado para a imprensa, o Irmão do Jorel encontra um álbum de fotografias e descobre que sua amizade com Lara começou antes do que ele imaginava. A partir daí, ele embarca numa viagem de lembranças e emoções, com referências a videogames clássicos. “A série vai manter esse estilo de nostalgia porque é uma característica”, diz Juliano. “Além de referência da cultura pop, fazemos também referências à própria série, os acontecimentos vão se conectar, formando um grande arco, mas com histórias independentes.”

Nesse grande arco da temporada, uma questão importante será a poluição do oceano por meio de uma fábrica de refrigerantes, que tem uma ligação com a grande corporação da cidade. “De forma sutil, a gente incorpora elementos que contextualizam o desenho”, afirma Enrico. “Não queremos vender nenhuma ideia, mas gostamos de escrever histórias que tenham a ver com o ano em que estamos.”

Mais conteúdo sobre:

Irmão do JorelCartoon Network