As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Um documentário: "Future Shock"; a apresentação é de Orson Welles

Ricardo Lombardi

06 de maio de 2009 | 07h00

É interessante assistir, hoje, ao documentário “Future Shock“, baseado no livro homônimo de Alvin Toffler. Foi Toffler que usou, lá em 1970, a expressão “information overload”, referindo-se ao excesso de informações recebidas por uma pessoa. Bem atual. O livro é de 1970 e o documentário (que tem Orson Welles como apresentador) é de 1972. Vale dar uma olhada. Parte 1, 2, 3, 4 e 5. (Em inglês).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.