As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Quanto vale o dote?

Ricardo Lombardi

14 de setembro de 2007 | 07h17

É perda de tempo eu explicar a missão do site Marryourdaughter.org. Navegue e veja com seus próprios olhos. Para instigar a curiosidade, mostro o que os responsáveis pelo serviço escreveram no link “Our Service”: “Marry Our Daughter is an introduction service assisting those following the Biblical tradition of arranging marriages for their daughters. Those who wish to list their Daughters with our site should click on ‘Sign up Your Daughter’ on our main page for a form to fill out. Those who wish to propose to a specific Daughter should click on the ‘Propose’ button on the Daughter’s ‘Info Card’.” Adianto que a família de cada menina exige um dote, como manda a tradição. O valor de cada um deles também está no site. Se isso for sério, é incrível. (Atualização: Natasha Madov informa que “parece que o dono do site já veio a público dizendo que é uma brincadeira para alertar contra as leis de casamento” dos Estados Unidos).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.