E-Macumba e Personal Paparazzi
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

E-Macumba e Personal Paparazzi

Ricardo Lombardi

07 de julho de 2008 | 06h25

Numa matéria sobre os “10 serviços mais bizarros da internet”, publicada pela revista Mundo Estranho, destaco os dois seguintes: “Quer fazer macumba, mas está com preguiça de comprar a galinha e arranjar uma encruzilhada? Então corra para o site Macumba Online. (…) Depois de encomendar a mandinga, é só acompanhar o status da sua macumba. E, se a macumba for contra alguém, a pessoa receberá um e-mail — anônimo, claro — dizendo que foi alvo de um trabalho”. 2) “Que tal viver dias de celebridade, sendo fotografado ‘sem querer’ por paparazzi? Nos EUA, isso já é possível: é só contratar um fotógrafo para clicá-lo nos momentos mais rotineiros: saindo da padaria, indo ao supermercado… (…) Para ter seus 15 minutos de fama, basta se cadastrar no site dizendo o local e a hora em que você poderá ser encontrado (por exemplo, no Central Park, às 14h). Você também pode escolher a personalidade que quer transmitir nas fotos: misterioso, extrovertido…”. Realmente bizarro.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: