As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Celular: caminhar enquanto falamos é arriscado

Ricardo Lombardi

17 de janeiro de 2010 | 10h29

risk

Boa pauta: caminhar enquanto falamos no celular é arriscado. O perigo pode estar no buraco da rua, no carro que se aproxima, no brinquedo de criança deixado no meio da sala. Leia a reportagem de Matt Richtell, publicada na edição de hoje do New York Times (em inglês).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.