Cartas de amor de grandes homens (2)
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cartas de amor de grandes homens (2)

Ricardo Lombardi

06 de maio de 2009 | 07h24

Este livro, imagino, tem tudo para vender muito bem: “Para Sempre — 50 Cartas de amor de todos os tempos“, organizado por Emerson Tin, que a editora Globo lança no dia 18 de maio. Digo isso porque a expressão “cartas de amor” tem aparecido com uma certa frequência nas estatísticas da ferramenta de busca deste blog (por causa deste post aqui: Cartas de amor de grandes homens). “Foi em busca dessas cartas que reavivam o amor, que (re)acendem a chama da paixão, que este livro foi organizado”, esclarece a “nota do organizador”. “As cartas mais recentes predominaram sobre as mais antigas. Assim, a maior parte da coletânea se concentra nos últimos três séculos do milênio passado. Também procurou-se equilibrar as cartas em língua portuguesa e aquelas em línguas estrangeiras. Dessa forma, o leitor poderá encontrar não só cartas de autores brasileiros ou portugueses, mas também cartas originalmente escritas em latim, francês, inglês, entre outros idiomas”. Alguns nomes da lista de autores: Voltaire; Beethoven; D. Pedro I; Victor Hugo; Chopin; Gonçalves Dias; Machado de Assis; Eça de Queirós; Rui Barbosa; Olavo Bilac; Franz Kafka; Augusto dos Anjos; Fernando Pessoa; Antonio Gramsci e Maiakóvski. O prefácio é de Renato Janine Ribeiro. Informações para jornalistas no e-mail: imprensaglobolivros@edglobo.com.br.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.