As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Ben Bernanke explica por que a vida não é justa

Ricardo Lombardi

03 de junho de 2013 | 14h45

Ben Bernanke, presidente do Fed, explica gentilmente para uma turma de recém-formados de Princeton por que a vida não é justa. Está na The Atlantic.

“Fomos ensinados que as instituições meritocráticas e a sociedade são justas. Deixando de lado o fato de que nenhum sistema, inclusive o nosso, é realmente totalmente meritocrático, a meritocracia pode ser mais justa e mais eficiente do que algumas alternativas. Mas em um sentido absoluto? Pense nisso. A meritocracia é um sistema no qual as pessoas que tiveram mais sorte em relação a saúde e herança genética, em termos de apoio da família, encorajamento e, provavelmente, de renda, mais sorte em suas oportunidades educacionais e de carreira, e mais sorte em tantas outras maneiras difícil enumerar — estas são as pessoas que colhem as maiores recompensas.”

(Dica do Flavio Simonetti).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.