As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A filosofia dos Simpsons

Ricardo Lombardi

06 de julho de 2007 | 07h22

Para quem gosta de boas matérias sobre cultura, a Vanity Fair de agosto traz uma reportagem de John Ortved sobre os Simpsons, o seriado cômico mais longevo da história da TV (entrou no ar em 1989). O gancho é a iminente estréia do longa-metragem nos cinemas. E a questão é: o que fez dos Simpsons um fenômeno pop? Ortved recolheu depoimentos de todo mundo que importa: dos roteiristas, dos desenhistas, dos atores que fazem as vozes e até do patrão da Fox, Rupert Murdoch. O texto do site é mais longo do que aquele que aparece na versão impressa da publicação. Tem também uma entrevista com Conan O’Brien, o apresentador de talk show que fez parte do time de escritores que trabalharam no desenho-animado. E um box com os 10 episódios mais legais da história do programa, na opinião da revista. No Brasil, o filme estréia em agosto (veja o trailer aqui).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.