As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

10 sugestões

Ricardo Lombardi

21 de março de 2008 | 11h00

Os dez melhores filmes de 1969, segundo o crítico José Lino Grünewald (lista publicada no Correio da Manhã do dia 5 de janeiro de 1970):

1. Teorema, de Pier Paolo Pasolini
2. A hora do lobo (Vargtimmen), de Ingmar Bergman
3. O desprezo (Le mépris), de Jean Luc Godard
4. Eu te amo, eu te amo (Je t’aime, je t’aime), de Alain Resnais
5. “Toby Dammit” — episódio de Federico Fellini em Histórias extraordinárias (Histoires extraordinaires)
6. Meu nome é Coogan (Coogan’s bluff), de Don Siegel
7. O bandido da luz vermelha, de Rogério Sganzerla
8. Beijos proibidos (Baisers volés), de François Truffaut
9. Enigma de uma vida (The swimmer), de Frank Perry
10. Obrigada, tia (Grazie, zia), de Salvatore Samperi

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.