Seis séries de animação inusitadas para assistir na Netflix
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Seis séries de animação inusitadas para assistir na Netflix

Conheça histórias protagonizadas por animais que frequentam a escola, células humanas e robôs futuristas 

Leandro Nunes

20 de março de 2020 | 10h51

A boa notícia da quarentena por causa do coronavírus é que há tempo para descobrir novas histórias, muitas delas inusitadas.

Na lista abaixo, personagens estranhos são protagonistas de séries, como os animais que frequentam a escola de Beastars, uma produção japonesa lançada em 2020. Por outro lado, há seres que existem de verdade, como as células humanas de Cells At Work!, uma divertida história contada dentro do corpo humano. Para quem busca algo mais distópico, as tramas malucas de Love, Death & Robots mistura ficção científica, tecnologia e muita imaginação. Tudo disponível na Netflix. Veja abaixo.

Cena de ‘Beastars’ FOTO: NETFLIX

 

Beastars 

O anime criado por Paru Itagaki foi adaptado para o streaming e chamou a atenção pelo visual. A série animada conta uma história de suspense com animais antropomórficos, semelhantes humanos, em mundo de carnívoros e herbívoros. O protagonista se chama Legoshi, um lobo que é membro do clube de teatro. Logo no primeiro episódio há um assassinato na escola, o que lança desconfiança entre os animais.

 

Cells at Work!

Outra adaptação de mangá, do autor Akane Shimizu, a série animada apresenta um universo muito singular, conhecido de todos nós: o corpo humano. Em Cells At Work! o espectador vai acompanhar o dia a dia de células humanas – no mesmo estilo antropomórfico de Beastars. A protagonista é um glóbulo vermelho, a hemácia, e seu colega, o glóbulo branco, um leucócito. Além de entender a função desses seres, a série narra os desafios que eles precisam enfrentar para manter o corpo funcionando, desde uma simples gripe, até insolação, hemorragia e câncer. Tudo de forma didática e com bom humor.

 

Love Death & Robots

Um furacão de histórias estranhas define essa série. Repleta de criaturas bizarras, humor ácido e mundos distópicos, Love, Death & Robots é uma criação de Tim Miller e David Fincher. A produção traz em sua primeira temporada 18 episódios independentes, todos com menos de vinte minutos e histórias bem surpreendentes. Entre elas, uma gangue de robôs que tenta assaltar um veículo, uma astronauta que flutua a deriva no espaço, e um casal que descobre uma sociedade no freezer do novo apartamento.

 

Seis Punhos

Artes marciais, forças ocultas e luta contra o crime. Quem já assistiu As Aventuras de Jackie Chan, vai perceber certa semelhança. A série Seis Punhos traz uma mistura do cinema “wuxia”, de artes marciais com o cinema norte-americano dos anos 1970 e 1980, marcado pelas imperfeições da película cinematográfica. Na trama, três irmãos órfãos vivem no México, criados por um mestre de kung fu. Eles querem vingar a morte do pai, vítima de um cartel que mexe com magia negra. Uma série com muita luta, perseguições e criaturas sanguinárias. 

 

O Príncipe Dragão

Em sua terceira temporada, a produção é uma mistura de Avatar: A Lenda de Aang, Senhor dos Anéis e Harry Potter. E não é pouco. A trama narra uma longa guerra entre humanos e elfos, após a morte do Rei Dragão e do sumiço de seu único ovo. Séculos mais tarde, dois humanos e uma elfa encontram o ovo e unem para dar um fim nos conflitos. Rumores de uma nova guerra surge e os países entram na batalha para tentar manter a segurança ou ameaçar a paz na terra. 

 

Castlevania

Falando em criaturas, a série Castlevania estreou sua terceira e bem sucedida temporada, inspirada no famoso game repleto de vampiros. Criado originalmente para ser um filme, o projeto foi lançado baseado no jogo de 1989, bastante influenciada pela arte da ilustradora Ayami Kojima, de Castlevania: Symphony of The Night. A série lançou sua terceira temporada em 2020 e narra a história de Trevor Belmont, que defende o condado de Valáquia contra Drácula e seus demônios.

Tudo o que sabemos sobre:

Netflix