Segundo dia de fóruns do SWU aborda desenvolvimento sustentável e cria abaixo-assinado
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Segundo dia de fóruns do SWU aborda desenvolvimento sustentável e cria abaixo-assinado

Ana Clara Jabur

13 de novembro de 2011 | 11h42

Jotabê Medeiros – Estado de S. Paulo

Ao abrir a segunda manhã do Fórum de Sustentabilidade do festival SWU, o idealizador do festival, o publicitário Eduardo Fischer, fez um manifesto contra a reforma do Código Florestal, que no momento está em avaliação no senado.  Fischer disse que seria bom ter um novo Código, mas não o que está sendo proposto, porque é uma ameaça ao futuro.  O texto é alvo de ativistas desde sua proposição, e a ação de bancadas como a ruralista em sua feitura causa apreensão entre ambientalistas. A senadora Marina Silva, também contrária ao texto, participa do simpósio.

“Só consciência não traz proteção. Se passar o que tá aí, vai ficar difícil”, disse Fischer, que conclamou os participantes do festival a assinarem um abaixo-assinado contra a concretização do texto que está no senado. O abaixo-assinado vai ficar circulando durante o festival.

O fórum começou por volta das 11 horas. Darian Heyman, da empresa que certifica produtos com design sustentável Cradle To Cradle abriu os debates do Painel Desenvolvimento Sustentável e Viabilidades.

A psicóloga brasileira Vera Camará fala sobre a importância das iniciativas individuais.


Tudo o que sabemos sobre:

fórum swuswu 2011swu; fórum swu

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: