As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Primus faz show irreverente

Ana Clara Jabur

14 de novembro de 2011 | 21h21

Bonecos de astronautas inflados saúdam o público no fundo do palco, enquanto o cômico Primus conduz seu circo virtuoso misturando funk e metal com um resultado voluptuoso e de difícil definição.

O divertido Les Claypool, provavelmente um dos maiores baixistas vivos, slapeia elaboradas linhas em seu instrumento e canta letras irônicas simultaneamente com naturalidade. Les é sem dúvida uma das personalidades mais curiosas da música, lembrando Zappa em sua irreverência.

Quando o som é bom, não tem erro. Mesmo quem não conhece o trabalho do Primus pula, dança e assiste embasbacado à perícia do trio.

Tudo o que sabemos sobre:

Primusswu 2011swu3

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: