‘Mulher Maravilha’ é a melhor estreia da história de uma mulher na direção
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Mulher Maravilha’ é a melhor estreia da história de uma mulher na direção

O Estado de São Paulo

06 de junho de 2017 | 10h31

Patty Jenkins e Gal Gadot na estreia de ‘Mulher Maravilha’, em Los Angeles. (Foto: Jordan Strauss/AP)

Los Angeles (EUA), 5 jun (EFE) – Mulher Maravilha, o novo filme dos estúdios Warner Bros. baseado em personagens da DC Comics, arrecadou este fim de semana US$ 100,5 milhões, conforme dados publicados nesta segunda-feira, 5, pelo portal Box Office Mojo e alcançou o posto de melhor estreia da história de uma diretora (Patty Jenkins), superando marca anterior, que era de Sam Taylor-Johnson (Cinquenta Tons de Cinza), com US$ 93 milhões, em 2015.

O filme, protagonizado por Gal Gador, Chris Pine, Robin Wright e Elena Anaya, conta a origem da super-heroína desde quando era conhecida apenas como Diana, a princesa das Amazonas, na ilha ficcional de Temíscera. Lá, Diana começa seu treinamento para se tornar uma poderosa guerreira, até que sua vida se cruza com a de um piloto que informa sobre o conflito bélico que está ocorrendo no mundo, decidindo abandonar a ilha para lutar na Primeira Guerra Mundial.

Na sequência de filmes mais vistos estão Capitão Cueca, Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar, Guardiões da Galáxia Vol. 2 e Baywatch, nesta ordem.

EFE

Mais conteúdo sobre:

Mulher Maravilha