As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Morre, aos 90 anos, o escritor Álvaro Mutis

Eliana Souza

23 Setembro 2013 | 00h55

EFE

O escritor colombiano Álvaro Mutis, que vivia no México há mais de meio século e era um dos bons amigos de Gabriel García Márquez, morreu  na tarde do domingo, aos 90 anos. Segundo o Conselho Nacional para a Cultura e Artes do México (Conaculta), a morte ocorreu no Instituto Nacional de Cardiologia.

No Twitter, García Márquez, que também reside no México, escreveu uma única palavra: “Mutis”.

Vivendo no México desde 1956, ele era considerado um dos melhores poetas e escritores de sua geração e expoente excepcional do realismo mágico.

Filho de diplomata, ganhou o Prêmio Cervantes 2001, o Príncipe de Astúrias e o Reina Sofía de Poesia, em 1997, e, em 1998, o Prêmio Médicis de melhor romance estrangeiro publicado na França com A Neve do Almirante (publicado no Brasil pela Record em 2006).

 

Mais conteúdo sobre:

literatura