Donavon “rouba” o show de Grace Potter
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Donavon “rouba” o show de Grace Potter

Eliana Souza

20 Setembro 2013 | 18h27

Jotabê Medeiros

Grace é uma graça mesmo. A loira é bonita, simpaticíssima, rebolou, tirou os sapatos, jogou fora o xale, ficou de joelhos na frente do público, falou o que pode e decorou em português (“E aí, galera?”), mas teve seu show “garfado” por um velho surfista barbudo, Donavon Frankenreiter. Ele foi convidado por ela para entrar e tocar apenas seus dois hits (Free e It don’t matter), mas são canções conhecidíssimas, e o pop rock da garota – que é desconhecidíssima no Brasil – não empolgou.

Ela enfiou no seu repertório uma cover que até causou algum impacto, Miss You, dos Rolling Stones, acompanhada pelo violão de Frankenreiter (que é um velho conhecido do Brasil, de Salvador à Vila Madalena). Mas as músicas de Grace Potter ainda são estranhas para a plateia (e seus guitarristas, embora pensem que são, não são guitar heroes), então foi apenas uma apresentação de uma artista vibrante, mas ainda em fase de crescimento.

Mais conteúdo sobre:

ROCK IN RIO