Diretor de ‘Moonlight’ elogia atitude do produtor de ‘La La Land’ após confusão no Oscar
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Diretor de ‘Moonlight’ elogia atitude do produtor de ‘La La Land’ após confusão no Oscar

O Estado de São Paulo

27 de fevereiro de 2017 | 14h02

Jordan Horowitz de 'La La Land' indica que 'Moonlight' ao lado de Warren Beatty (Crédito: REUTERS / Lucy Nicholson)

Jordan Horowitz de ‘La La Land’ indica que ‘Moonlight’ ao lado de Warren Beatty (Crédito: REUTERS / Lucy Nicholson)

A entrega da estatueta de melhor filme do Oscar de 2017, na madrugada desta segunda-feira, 27, pode ter sido um dos mais vergonhosos momentos de toda a história da premiação. Entretanto, o momento serviu também para mostrar a fraternidade entre os cineastas e produtores de Hollywood.

Após ser chamado ao palco para receber o prêmio de melhor filme por La La Land – Cantando Estações, o produtor do longa Jordan Horowitz percebeu o erro e correu, ele próprio, para corrigir o mal entendido. “Moonlight venceu o melhor filme”, se apressou em dizer na transmissão ao vivo. “Isto não é uma brincadeira”, completou, convidando os colegas de Moonlight – Sob a Luz do Luar para subir ao palco, gentilmente entregando a estatueta que estava em sua mão.

Através de suas redes sociais, o diretor do filme vencedor, Moonlight, Barry Jenkins, elogiou a atitude de Horowitz. “Jordan Horowitz. Uau. Eu estou lentamente refletindo e colocando tudo em perspectiva”, escreveu no Twitter. “Muito respeito a esse cara”, disse em referência a Horowitz.

Numa festa realizada após a cerimônia do Oscar, Jordan Horowitz falou com a revista Entertainment Weekly sobre o ocorrido. “Eu não sei o que aconteceu. Eu não me importo com o que aconteceu. Foi uma confusão”, desabafou. “Eu vi o envelope que dizia Moolinght e precisava corrigir o erro”.

O produtor elogiou os colegas e disse estar satisfeito com o resultado da premiação. “Eu estou feliz que foi Moonlight porque eu amo aqueles caras. Nós passamos muito tempo juntos nos últimos meses”