As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Bate-papo com o ator Gilberto Gawronski no ‘estadão.com.br’ discute os perigos da internet

Daiane Oliveira

14 de novembro de 2012 | 10h54

1_ATO_24___Cr__dito_Jorge_Etecheber_.jpg

O ator Gilberto Gawronski, que está no monólogo Ato de Comunhão, em cartaz no Sesc Belenzinho, em São Paulo, participa de uma entrevista via Hangout (ferramenta de bate-papo do Google), com transmissão ao vivo pelo portal estadão.com.br, nesta quarta-feira, 14, às 16h.

O espetáculo é baseado no caso real de um alemão –  Armin Meiwes –  que colocou um anúncio na internet em busca de uma pessoa que quisesse ser morta e “devorada”. O encontro com o engenheiro Bernd Jürgen Brandes, em 2001, terminou em morte e Meiwes foi condenado à prisão perpétua.

A montagem, que tem direção do próprio Gawronski e de Warley Goulart, utiliza projeções e áudios, e fica em um caminho entre o happening e a performance.

Participe do bate-papo enviando perguntas pelo email estadaocultura @gmail.com

Tudo o que sabemos sobre:

Ato de ComunhãoGilberto Gawronski

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.