Advogados de Harvey Weinstein buscam pena de 5 anos de prisão
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Advogados de Harvey Weinstein buscam pena de 5 anos de prisão

Ubiratan Brasil

10 de março de 2020 | 10h16

Os advogados de defesa de Harvey Weinstein deram uma última cartada em busca de uma pena para seu cliente. Na segunda-feira, eles argumentaram que Weinstein merece misericórdia por sua “queda histórica” e por sofrer graves problemas de saúde. Em uma carta apresentada antes da proclamação da sentença (prevista para ser divulgada nesta quarta, 11), os defensores pediram ao juiz James Burke que lhe desse apenas cinco anos atrás das grades – por lei, a pena máxima é de 29 anos.

Weinstein. Ex-produtor teria sofrido queda na prisão, alegam defensores. Foto Mary Altaffer/AP

“Ele perdeu os meios para ganhar a vida. Em outras palavras, sua queda tem sido histórica, talvez incomparável na era das mídias sociais”, diz um trecho da carta. E, mesmo que o réu de 67 anos de idade receba uma pena menor, “o grave momento vivido hoje pelo senhor Weinstein pode permitir que ele não sobreviva à essa pena”, tornando a sentença em “uma sentença de prisão perpétua”, continua a carta dos advogados.

A rede CNN informou que Weinstein sofreu uma queda na manhã de domingo, 8, e bateu a cabeça na cela da prisão de Rikers Island, onde aguarda a divulgação da sentença – o ex-produtor de cinema foi condenado por crimes sexuais. Segundo a rede de TV, a informação foi divulgada por sua assessora Judá Englemayer, que completou dizendo que Weinstein teria sentido tonturas antes da queda.”Harvey afirmou que sua cabeça lateja o tempo todo e acreditava ter sofrido uma concussão. Ele não foi diagnosticado oficialmente”, completou Englemayer.

Tudo o que sabemos sobre:

#harveyweinstein