As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Eita! Carne Doce solta a libidinosa (e deliciosa) ‘Amor Distrai (Durin)’ e revela o nome do novo disco

Pedro Antunes

29 Junho 2018 | 21h22

Justamente no Dia dos Namorados (em 12 de junho, caso vocês não se lembrem da data), a Carne Doce colocou na rua Nova Nova, o primeiro single do terceiro álbum deles. Descompassos e desencontros do amor se esparramam na canção dona de melancolia que escorre feito a lágrima que, , desgraçada!, teima em surgir. Uma saudade que, incontrolável, só dói – e não há o que fazer a respeito.

+++ Carne Doce se entrega aos desencontros e descompassos do fim no Dia dos Namorados com nova música; ouça ‘Nova Nova’

Pouco mais de duas semanas depois, temos mais da Carne Doce. Agora, distante da data comemorativa dos casais – ou ignorada por quem entende o 12 de junho como uma “manobra do comércio pra aquecer as compr-blábláblá” -, a banda liderada pela voz única de Salma Jô decide aquecer um pouco as coisas.

É inverno, afinal. Época daquela troca de carinhos com os pés aquecidos por meias grossas, debaixo das cobertas. Dos convites “vinho e Netflix?” cheios das segundas e terceiras intenções.

(Tá certo que, em São Paulo, nesta sexta-feira, 29, a temperatura chegou aos 27ºC)

Salma Jô, vocalista da Carne Doce (Foto: Luis Felipe Moura)

E é cheia de segundas, terceiras, quartas, quintas, sextas e sétimas intenções a novíssima canção da Carne Doce. Libidinosa, suada, úmida e ofegante é Amor Distrai (Durin), o single que a banda lançou nas plataformas digitais na quinta, 28 (no YouTube), e sexta, 29 (nas outras plataformas digitais).

Salma Jô, Macloys Aquino, João Victor Santana, Ricardo Machado e Aderson Maia criam, em uma canção delirante. Guitarras sussurram, baixo traz suingue, bateria que dita o ritmo.

Juntos, com os versos acalorados cantados Salma, estabelecem uma atmosfera de um quarto cuja temperatura interna é tão maior que a externa (estamos no inverno, afinal) que o vidro embaça, naquela vibe Jack e Rose, em Titanic, sacam?

Portanto, sim, Amor Distrai (Durin), uma composição assinada por Salma, João Victor e Fernando Almeida (o Dinho, dos Boogarins) é uma canção transante, sobre o sexo, o gozo. Trata do amor, também, tão ausente e sofrido em Nova Nova e que, aqui, jorra em excitamento e gemidos, para roubar um verso da própria música, “em alto e bom som”.

A nova música também vem acompanhada de um anúncio. A banda revelou o nome das faixas do disco e seu título. O sucessor de Carne Doce e Princesa se chamará Tônus, chega em julho e foi realizado com o apoio do edital Natura Musical.

Dinho, do Boogarins, assina mais uma faixa do disco, chamada Brincadeira (a quinta). Veja a lista completa abaixo:

1 – Comida Amarga
2 – Irmãs
3 – Besta
4 – Amor Distrai (Durin)
5 – Brincadeira
6 – Já Passou
7 – Tônus
8 – Ossos
9 – Nova Nova
10 – Golpista