Coletivo Rua lança o clipe de ‘Grana’ com Lurdez da Luz, “sapos engolidos” e bolsos vazios
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Coletivo Rua lança o clipe de ‘Grana’ com Lurdez da Luz, “sapos engolidos” e bolsos vazios

Pedro Antunes

20 Julho 2017 | 10h35

“Grana, entre nós, há uma interferência /
Nem peguei na mão /
E já passou o dia de fazer a transferência”

Coletivo Rua (Foto: Matheus Matta)

É assim, simples. Sem precisar dizer muito, Galego e o Coletivo Rua faz o ouvinte pensar na conta bancária esvaziada.

“Arroz e feijão é cada vez mais raro no cardápio /
Quem aguenta? /
A gente vai, dia a dia, de salgado em salgado /
R$ 3,50″

O projeto que conta com Marcelo Sanches (guitarra), Bianca Predieri (bateria) e Davi Indio (baixo) vai, aos poucos, mostrando seu corpo.

Depois de lançar Coragem, com a participação do rapper Sombra, vem aí, com exclusividade no Outra Coisa, o vídeo de Grana, faixa que conta com a participação de Lurdez da Luz.

São Paulo, sua aspereza e o concreto, não precisa ser citada nominalmente para se mostrar nos versos da canção. Está na batida que racha a cabeça, no flow acentuado nas últimas sílabas.

Eles cantam a realidade dura e o bolso vazio. Ácidos, sem metáforas. E nem precisaria. A realidade é deles. É nossa. É de quem mais conta as moedas para pagar o ônibus e ir trabalhar.

“Viver de arte é uma arte”, versa Lurdez da Luz. É bem por aí.

O disco de estreia, que leva o nome da trupe, será lançado no dia 26 de julho, quarta-feira.

O clipe de Grana foi dirigido por Julia Borst e Galego. Assista:

 

Mais conteúdo sobre:

coletivo rualurdez da luz