Autoramas acelera a pista de dança com ‘Ding Dong’, música que ganha clipe em 360º
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Autoramas acelera a pista de dança com ‘Ding Dong’, música que ganha clipe em 360º

Pedro Antunes

05 Julho 2018 | 17h17

O Autoramas acelera, mais uma vez, como se estivesse numa reta livre, daquelas de circuitos de Fórmula 1.

Depois de lançarem Sofas, Armchairs and Chairs Stressed Out, a banda aposta nessa corrida alucinada chamada Ding Dong como novo single, que antecede a chegada de Libido, o novíssimo álbum de Gabriel ThomazÉrika Martins, Fábio LimaJairo Fajer.

Autoramas (Foto: Paulo Aguiar)

Uma instituição do rock alternativo nacional, o Autoramas sempre fez seu próprio “corre” – e é, nesse ritmo de corrida alucinada, que chega Ding Dong.

Faixa e clipe lançados com exclusividade aqui no blog – ouça/assista ao final do texto.

Porque se trata de uma canção que não precisa de letra para existir. Basta a vibe e os gritos de “ding” e “dong” que dão nome à faixa. A partir disso, chegam os riffs venenosos e os gritos de Érika.

Ding Dong tem tudo a ver com o restante do disco”, diz Thomaz, ao blog. “Também se relaciona com todo o repertório do Autoramas, que privilegia energia e melodia. É rock and roll, é isso: diversão.”

A faixa, explica Thomaz, é um grito para farra bastante fervida. “Para a gente, o rock and roll é inclusivo. É pra todo mundo se divertir. Música de cantar, de curtir, para funcionar na pista de dança, com alto astral”, explica.

+++ Siga o autor do blog e conheça o ‘Tem um Gato na Minha Vitrola’, um programa de música feito diretamente nos stories do Instagram

A crueza do clipe também está no tal “faça você mesmo”, tão presente na atitude do Autoramas. Trata-se de um vídeo gravado com uma câmera que capta imagens em 360º, em uma tarde sem energia elétrica. Tudo ali foi registrado com luz natural que entrava pela janela do banheiro. No vídeo, os quatro integrantes do Autoramas formam um círculo enquanto tocam a Ding Dong.

Metade do álbum, conta Thomaz, será em inglês e a outra metade terá letras em português. “Fazemos turnês lá fora, então é legal. É claro, para nós, compor em português é mais fácil, mas alguns jornalistas gringos receberam as faixas do álbum e têm elogiado”, conta.

Libido será lançado pela Hearts Bleed Blue (HBB), em parceria com a gravadora gravadora alemã Soundflat Records, em 20 deste mês, em formato digital, CD, LP e a nova queridinha K7.

Assista ao clipe de Ding Dong: 

Aliás, ouça os outros singles lançados pelo Autoramas até agora: