Rocky in Rio no Fife

Rocky in Rio no Fife

Rodrigo Fonseca

01 de dezembro de 2015 | 00h41

Oscar de melhor filme em 1977,

Oscar de melhor filme em 1977, “Rocky, um Lutador” é uma das atrações do Festival de Esporte no Rio: começa 10/12

Amanhã serão conhecidos os favoritos do National Board of Review, instituição made in USA de pensadores da arte de filmar organizada em 1909 e, na lista do colegiado – uma das mais quentes para as previsões ao Oscar -, há fortes chances de Creed: Nascido para Lutar, de Ryan Coogler, estar. E, em ele lá estando, grandes são as chances de uma menção para Sylvester Stallone, pela sétima encarnação do boxeador Rocky Balboa, desde 1976. O filme foi bem pacas em sua estreia nos EUA, sexta passada, tendo arrecadado US$ 30 milhões nas bilheterias em três dias. O sucesso do filme aviva a mítica cinéfila em torno do Garanhão da Filadélfia, que terá uma projeção em grande estilo no Brasil no Festival Internacional de Filmes de Esporte (Fife), agendado para ocorrer de 10 a 16 de dezembro no Rio, no Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro e no Centro Cultural Justiça Federal. Tem uma penca de docs e ficções além de produções pinçadas do Globo Esporte e do Esporte Espetacular. São cerca de 70 filmes, provenientes de 20 países e com foco em 33 modalidades esportivas. Do garimpo brasileiro, há pepitas como Mulheres Olímpicas, de Laís Bodanzky, e O Brasil na Terra do Misha, do mestre Silvio Tendler. Das relíquias gringas, ao lado de Balboa, entraram obrigatoriedades do naipe de A Saga do Judô (1943), de Akira Kurosawa, e Touro Indomável (1980), de Martin Scorsese.

Conheça a programação no http://www.fife.com.br/filmes-longas. Tá um brinco.

A gente só vê Creed por aqui no dia 7 de janeiro.

 

p.s.: E o Brasil está mesmo virando um canteiro do Pop. A partir do dia 3, tem Comic Com Experience (CCXP), organizada pela moçada do site Omelete, em Sampa. E nesta quarta começa, em solo carioca, no Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro, o VFX Rio – Encontro Internacional e Efeitos Especiais. Vai ter palestra de Sheldon Stopsack, técnico responsável pela criação do super-herói floral Groot de Guardiões da Galáxia (2014). Às 11h, Cláudio Peralta, da Conspiração vai dar uma bossa sobre efeitos no cinema brasileiro. Imperdível.

 

p.s.2: Um dos mais conceituados críticos de música do país, Bernardo Araújo, está em negociações para preparar a biografia de Lulu Santos. O cantor anunciou a boa nova em um show no Rio, no último sábado, no qual entoou seu rol de sucessos. Araújo é autor do obrigatório O Prazer da Serrinha – Histórias do Império Serrano, uma aula sobre os bastidores do carnaval e do samba. Dono de uma prosa azeitada a anos de muito rock’n’roll, o jornalista tem a tarimba certa para narrar a vida de Luiz Maurício Pragana dos Santos, jurado (e estrela) no The Voice Brasil.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: