‘Guaxuma’ animará os curtas de Gramado

‘Guaxuma’ animará os curtas de Gramado

Rodrigo Fonseca

04 Julho 2018 | 13h13

Exibido há pouco em Annecy, na França, “Guaxuma” é um curta de animação pernambucano dirigido por Nara Normande

Rodrigo Fonseca
Um dos achados de Annecy, a maior maratona de animação do Velho Mundo, o drama pernambucano “Guaxuma”, de Nara Normande, foi confirmado como um dos curtas-metragens em concurso no 46º Festival de Gramado (17 a 25 de agosto), cuja abertura fica a cargo de “O Grande Circo Místico”, de Cacá Diegues. Normande já foi convocada também para o Anima Mundi, que ocorre no fim de julho. Seu filme é um exercício de memorialismo a partir das lembranças de uma jovem sobre sua amiga de infância. A estética do filme anima areia da praia.
Confia os demais curtas da deleção de Gramado, que divulga os longas no próximo dia 10. Cogita-se que José Alvarenga Jr. (“10 Segundos”) e Aly Muritiba (“Ferrugem”) estejam em concurso, assim como o desenho “A Cidade dos Piratas”, de Otto Guerra.

OS CURTAS

“À Tona” (DF), de Daniella Cronemberger

“Apenas o Que Você Precisa Saber Sobre Mim” (SC), de Maria Augusta V. Nunes

“Aquarela” (MA), de Thiago Kistenmacker e Al Danuzio

“Catadora de Gente” (RS), de Mirela Kruel

“Estamos Todos Aqui” (SP), de Chico Santos e Rafael Mellim

“Um Filme de Baixo Orçamento” (SP), de Paulo Leierer

“Guaxuma” (PE), de Nara Normande

“Kairo” (SP), de Fabio Rodrigo

“Majur” (MT), de Rafael Irineu

“Minha Mãe, Minha Filha” (ES), de Alexandre Estevanato

“Nova Iorque” (PE), de Leo Tabosa

“Plantae” (RJ), de Guilherme Gehr

“A Retirada Para Um Coração Bruto” (MG), de Marco Antonio Pereira

“Torre” (SP), de Nádia Mangolini