Desenho japonês e doc sobre Bigas Luna reforçam Festival de San Sebastián

Desenho japonês e doc sobre Bigas Luna reforçam Festival de San Sebastián

Rodrigo Fonseca

26 de agosto de 2016 | 18h35

“Your Name”, love story animada de Makoto Shinkai: reforço para a mostra espanhola em 2016

RODRIGO FONSECA

Chegaram reforços para a seleção do Festival de San Sebastián, cuja edição 2016, agendada de 16 a 24 de setembro, na Espanha, investe em pérolas autorais a fim de elevar seu cacife estético entre os maiores eventos cinéfilos do planeta. Em respeito à ala mais adulta da indústria da animação, o evento acolhe o novo longa-metragem de um dos mestres do setor: o japonês Makoto Shinkai, com seu inédito Your Name, um desenho sobre uma paixão entre adolescentes. Para aplacar nossas saudades do mestre catalão Bigas Luna, San Sebastián busca um documentário feito com registros afetivos residuais do diretor de Ovos de Ouro: Bigas x Bigas, assinado pelo próprio, na condição de autor morto, em dobradinha com Santiago Garrido Rua. E vem do Canadá a fantasia existencial Colossal, de Nacho Vigaalondo, com Anne Hathaway de cara para um monstro da Natureza.

“El Invierno” explora o frio patagônico

E tem mais novidade pela frente para o festival mais significativo da Espanha em tela grande. Foram adicionados à seleção oficial os filmes The Oath, de Baltasar Kormákur (Islândia); Rage, de Lee Sang-il (Japão); Playground, de Bartosz M. Kowalski (Polônia), El Invierno, de Emiliano Torres (Argentina), e I Am Not Madame Bovary, de Feng Xiaogang (China).

“Midnight Special”, sci-fi de Jeff Nichols

Em sua 64ª edição, o Festival de San Sebastián vai projetar os ganhadores do Urso dourado de Berlim e da Palma de Ouro de Cannes – Fogo no Mar I, Daniel Blake – além de acolher filmes inéditos de Denis Villeneuve (A Chegada), Oliver Stone (Snowden), Emir Kusturica (On The Milky Road), Bertrand Bonello (Nocturama), Paul Verhoeven (Elle), Ewan McGregor (estreando na direção com Pastoral Americana),João Pedro Rodrigues (O Ornitólogo), Jeff Nichols (o cult Midnight Special), Todd Solondz (Wiener-Dog) e das brasileiras Eliane Caffé (Era o Hotel Cambridge) e Marília Rocha (A Cidade Onde Envelheço). Para o encerramento foi escolhido o drama náutico L’Odyssée, de Jérôme Salle, com o ator francês Lambert Wilson na pele do oceanógrafo e documentarista Jacques-Yves Cousteau.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: