‘À beira do caminho’ hj na Globo: jukebox do Rei e de emoções

‘À beira do caminho’ hj na Globo: jukebox do Rei e de emoções

Rodrigo Fonseca

03 Julho 2018 | 08h35

O guri Vinícius Nascimento conta com João Miguel para encontrar seu pai em “À Beira do Caminho”: de madrugada no Corujão da TV Globo

Rodrigo Fonseca
É difícil administrar o engasgo no peito que À Beira do Caminho produz todas as vezes que a câmera tangencia o olhar de João Miguel, em uma devastadora atuação: o melhor filme de Breno Silveira vai ser exibido esta madrugada (de terça pra quarta), à 1h15, na TV Globo, no Corujão. A trilha sonora recheada de Roberto Carlos amplia ainda mais o tônus trágico do longa-metragem, coroado com cinco prêmios no Cine PE 2012: Melhor Filme, Ator (João), Ator Coadjuvante (o menino Vinícius Nascimento) e Roteiro, dado a Patrícia Andrade, além do troféu de júri popular. Cabe ao genial ator baiano viver um caminhoneiro que abdicou do uso do verbo “sorrir” após um acidente fatal com sua mulher. Abraçado a seu rancor, ele sai pelas estradas a trabalhar até que que esbarra com um garotinho (Vinícius) em busca do pai. Apesar de sua dor, o motorista de caminhão vai ajudar o guri. E nesse gesto de humanidade, ele se reinventa. Lançado há seis anos, o longa tem um potencial de acuidade em sua cartografia da angústia humana comparado ao de Central do Brasil (1998). É um road movie antológico. Breno agora está preparando a cinebiografia do Rei.