Suelen: a personagem que é a verdadeira “it girl” do Brasil

Estadão

07 de junho de 2012 | 20h45

 

Esqueça qualquer top que vá desfilar na SPFW e todas as blogueiras de moda que mostram suas roupas caríssimas diariamente na Internet. A verdadeira “it girl” do momento do Brasil é Suelen, a personagem periguete da novela “Avenida Brasil”.

Não, nada de peça conceitual ou de calça jeans de grife esbarrando no chão bem flare (larga, mas em inglês, a língua oficial do mundo da moda) ou de peças conceituais. Esqueça também qualquer tendência importada dos desfiles europeus. Na rua, ali na vida real, muitas querem ser Suelen, a personagem dadeira de “Avenida Brasil”.

A moça, interpretada por Isis Valverde, usa roupa de quem “pega na boate”, termo muito usado no tal mundo da moda. “Ah, esse estilista é ótimo, mas com roupa dele, ninguém pega na boate”.  Em geral, isso é uma piada, mas também é verdade. Vamos ser todos sinceros agora. Quem não quer pegar na boate? Ou ser sensual? Ou chamada de gostosa? Quem? Sério, vamos ser SINCEROS.

Suelen pega muito (e não só na boate). E é interessante ver que a tal garota que muitas  querem ser (e o enjoativo termo “it girl” quer dizer isso mesmo, a garota que tem um “it”) seja uma menina que abusa da sensualidade deslavadamente, dá em cima de todo mundo, manipula os homens, faz deles gato e sapato, os usa e não tem caráter.

Mesmo assim, todos amam Suelen. Os homens a acham musa. E as mulheres, que poderiam odiá-la, não só a enxergam com simpatia, como querem se vestir como ela. Calças e vestidos estilo “Suelen” já são vendidos em ruas de comércio popular com esse nome mesmo e sites ensinam o passo a passo de como se vestir como a musa.

Tempos atrás, o mais possível é que a personagem fosse chamada de vadia, piranha e por aí vai. Mas há algo de libertador na “truqueira”.  Assim como existe no funk carioca que foi cantado por mulheres ou no tecnobrega de Gabi Amarantos. Suelen parece uma Tati Quebra Barraco cantando: “tô podendo pagar motel para os homens e é isso o que interessa”.

Não, viver a custas de dar golpes em homens não é legal. Não é um bom exemplo, muito pelo contrário. Mas as famosas vítimas sofredoras de novela também não são bom exemplo, certo? Vale lembrar de Norma,  da novela “Insensato Coração”, a vitima magoada e vingativa. Cruzes. Talvez as mulheres se sintam um pouco vingadas ao ver que não aparecem na TV só fazendo ´papel de vítima. E os homens vejam nela uma sensualidade livre.

Fato. Os personagens de “Avenida Brasil”  são extremamente bem construídos e não existe gente só do mal ou do bem. Suelen não tem caráter, mas tem alguma simpatia, e parece levar a vida na onda. Ninguém manda nela. Ela faz o que bem entende.

Uma liberdade impossível, claro, principalmente porque não vamos sair por aí usando os outros. Mas fazer o que se quer é muito bom. E deve ser por isso que todo mundo gosta tanto da personagem. Se uma calça trouxer um pouquinho do gosto dessa liberdade.  Por que não?