Os pés da Madonna, os fãs e os haters

Estadão

19 de abril de 2012 | 16h06

Madonna apareceu em uma festa. Normal. Os fotógrafos tiraram fotos de seus pés (nada normal). Suas unhas estavam meio mal tratadas. Pronto. Deu-se o escândalo. E os pés da Madonna, na falta de assunto, viraram o escândalo da semana (não, a foto não será publicada nesse blog porque eu não mexo com esse tipo de coisa).

“Isso é inveja”, falava um amigo revoltado. Vamos lá. É um pouco pior que isso. Fotografar os PÉS de uma famosa procurando defeito é de um grau de perversão da fama bizarro. Quem mandou ser famosa? Agora você vai ver! Suas mãos sempre serão fotografadas para que todos vejam que você está VELHA. Se os braços estiverem fortes demais, lá estará, Madonna exagera na malhação. E se estiver mole, pronto, é uma descuidada mesmo. “Eca”, disse o mundo inteiro enquanto olhava para as unhas dos pés, repito, AS UNHAS DOS PÉS, de Madonna.

Se gostamos de alguém ( quem se dá ao trabalho de reparar nas unhas dos pés da Madonna deve mesmo gostar dela, porque amor e ódio são a mesma coisa, já disse o Dr. Freud etc) precisamos acabar com a pessoa. Vê-la falida. Caída no chão. Não é por acaso que fotos de tombos de famosos são web hit certo.

Fãs são pessoas malucas. Haters (os famosos odiadores da internet, aqueles que “atacam” seus alvos também). E pensando bem, eles são os mesmos. Madonna vai fazer show no Brasil. Milhares de pessoas vão comprar ingressos caríssimos para ver a cantora fenômeno. Mas ai dela se cair, ai dela se estiver com os pés (OS PÉS) feios. Seus fãs (que pagaram caro, repito), talvez se matem para tirar uma foto do detalhe que a destrói. Se não estamos no palco, tacamos ovo em quem está.

E pensando nos pés da pobre da Madonna, só dá para imaginar uma coisa. Ser muito famosa deve ser um pesadelo. Dos mais assustadores. Pobre famosa rica. E não, não estou falando isso por inveja. Eu juro.

Tudo o que sabemos sobre:

Madonna Fama Loucura

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.