Os mineiros Lu e Tchelo querem chegar à São Paulo pelo interior

Cristiane Bomfim

10 de junho de 2013 | 09h07

POR CRISTIANE BOMFIM
(cristiane@gmail.com)

Foto: Marcelo de Jesus

Lu e Tchelo são primos. E mineiros. Cantam juntos desde criança. Mas preferiram fazer uma faculdade antes de escolher a música como profissão. Lu tem 37 anos e se formou em Relações Públicas. Tchelo tem 39 anos e o diploma de engenheiro mecânico. A música virou profissão só em 2008, quando os dois lançaram o primeiro CD da carreira. “É sempre difícil tomar uma decisão como essa. O novo sempre gera receio”, afirma Lu.

Com três álbuns gravados (o segundo veio em 2011 e o terceiro em 2013), a dupla desembarcou em maio em São Paulo para gravar quatro cclipes e tornarem seus rostos conhecidos além das fronteiras de Belo Horizonte, onde já são conhecidos como “poetas de BH”. “A ideia do clipe é nos divulgar. Esse era um lado que a gente não cuidava muito bem e hoje é necessário mostrar a cara”, disse Tchelo. O primeiro vídeo já está no ar: é o da música romântica “Depois a Gente Conversa”, que já toca nas rádios de Minas Gerais.

A dupla tem raízes no sertanejo romântico de Chitãozinho e Xororó e Zezé di Camargo e Luciano, mas teve que se adaptar ao mercado musical, que está mais jovem e dançante. Aposta no arrocha, no universitário. “O novo álbum tem um pouco do Lu, um pouco do Tchelo e muito dos ouvintes que podem nem nos conhecer”, explicou Lu.

Para o sucesso, a dupla segue a estratégia de sucesso do interior para o centro. “Estamos começando a divulgação no interior de São Paulo e do Espírito Santo, que nós formam um eixo muito importante”, explicou Tchelo. A dupla que pretende gravar o primeiro DVD da carreira até o fim do ano quer comer pelas beiradas.

Em tempo. O nome verdadeiro de Lu é Luis Claudio Rocha Vargas. Tchelo na verdade se chama Marcelo Henrique Leite Rocha. Veja o clipe:

Tendências: