César Menotti e Fabiano doam violão para leilão beneficente

Cristiane Bomfim

17 de abril de 2012 | 07h21

Por Cristiane Bomfim

César Menotti e Fabiano, o cantor Chitãozinho (da dupla com Xororó)e ainda Fernando e Sorocaba doaram violões autografados para o leilão que ocorre na noite de hoje, 17, em prol do Instituto Escola do Povo, que fica na favela de Paraisópolis, na zona sul de São Paulo. No total, serão leiloadas 39 peças cedidas por artistas e esportistas. O dinheiro arrecadado será utilizado no projeto do instituto criado em 2007 com a finalidade erradicar o analfabetismo na comunidade.

Desde que foi criada, em 2007, mais de 3.000 pessoas da comunidade já passaram pelo curso. De acordo com fundador da instituição e idealizador do leilão, Gilson Rodrigues,  a comunidade tem cerca de 100 mil habitantes e 12% não sabe ler ou escrever. “Nossa meta é erradicar o analfabetismo até 2014. Esse esforço depende de todo mundo e o leilão vai nos ajudar a manter o serviço”, diz.

Engrossam a lista de doadores de objetos o cantor romântico espanhol Julio Iglesias (que doou uma gravata autografada), o ex-jogador Romário (que doou uma chuteira),  Faustão (que doou uma caneta Cartier) e Felipe Massa (que doou um dos seus macacões da Fórmula 1).

Os convites para o leilão, que começa às 19h na Casa Petra (Avenida Aratãs, 1.010, em Moema), custam R$ 250 e podem ser comprados pelo telefone (11) 5182-6216. O preço é R$ 250 e inclui o jantar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.