quando deixamos de usar saias?

quando deixamos de usar saias?

Marcelo Rubens Paiva

17 de maio de 2013 | 10h56

 

Todo apoio aos alunos da USP que fizeram um SAIAÇO em protesto contra a perseguição de um colega da USP Leste.

O protesto nasceu nas arcadas da tradicional Faculdade de Direito.

Tomara que vire moda.

Ministros da Corte não usam capas?

Em algumas, usam até perucas.

O Papa usa saia. Jesus pregou numa, e não foi perseguido por causa da vestimenta.

As pirâmides foram construídas por operários numa espécie de tanga.

Alexandre o Grande dominou os persas, foi até a Índia, cavalgando de minissaia.

 

 

Roma foi o maior império do seu tempo. A liderança usava toga, e a milicada, saia.

Não me parece que foram hostilizados pelos inimigos, nem que atrapalharam as investidas da poderosa máquina de guerra.

César e Marco Antônio seduziram Cleópatra com as pernocas de fora.

Nero queimou a cidade numa saia.

E por que a abandonamos?

Mais prática, fácil de vestir, refrescante. Florida, dá vida.

Mais elegante do que aquelas bermudas em que a cueca fica à mostra.

Logo logo vou aderir. Quando encontrar uma que vista um vara-pau de 1m87.

Só vou depois pedir umas dicas de como dobrar as pernas com elegância.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.