clichês

clichês

Marcelo Rubens Paiva

19 de janeiro de 2012 | 16h26

Já estão célebres as coletâneas de pôsteres de cinema feitas pacientemente pelo francês Christophe Courtois.

Mas, enquanto a rede discute pirataria, que tal discutirmos plágio e clichês da indústria

Especialmente na hora de divulgar seus produtos [filmes].

Como:

O Tom falou que só de perfil?

 

 

Somos BO mas somos inteligentes:

 

 

Quem não tem colírio:

 

 

Cadê?

 

 

Ai se eu te pego:

 

 

Tô nem aí…:

 

 

Olhar 42, 43, 44, 45…

 

 

A natureza é azul:

 

 

Vamos acender:

 

 

Na caminha:

 

 

Pernudas:

 

 

Em desabalada carreira:

 

 

Vermelhinho básico:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.