cenas londrinas

cenas londrinas

Marcelo Rubens Paiva

26 de novembro de 2011 | 13h27

Essa arte moderna…

Que tal uma galeria só de quadros brancos?

E juro que numa noite de baita frio, tinha uma nega olhando a vitrine.

 

 

Que tal um jogo de palavras inexplicável?

Zona do Euro: original batatas francesas da Alemanha.

 

 

 

 

A mostarda e o molho de tomate [eles não falam ketchup] ficam ao gosto do freguês.

 

 

Que tal um futiba misto?

Tempos modernos na tarde ensolarada do parque.

E não era só num campinho não, mas em todos eles.

Juro. Esta centroavante jogava um bolão, e nos 15 minutos em que assisti fez um golaço.

 

 

E maloqueiro não pode torcer à distância na Corte?

 

 

 

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: