carnaval em sp

carnaval em sp

Marcelo Rubens Paiva

17 de fevereiro de 2012 | 13h53

Os teatros estarão abertos.

Nos cinemas:

A DAMA DE FERRO [interessante, que humaniza uma figura amada e odiada, que muitos juravam que não tinha coração e que fez a folia dos neoliberais]

A SEPARAÇÃO [tipicamente iraniano, que a intelectualidade acha que não é e anda babando por ele]

PRECISAMOS FALAR SOBRE KEVIN [genial, melhor filme em cartaz pela história, forma de narrar, som, elenco]

J. EDGAR [como ser gay sem chamar atenção e errar feio na maquiagem]

REIS E RATOS [sátira divertida, humor inteligente, com show pra variar de Selton Melo]

TOMBOY [genial filme francês, simples e profundo, que o fará lembrar de conflitos que amigos gays da infância tiveram]

O ESPIÃO QUE SABIA DE MAIS [fraco, fraco…]

MILLENNIUM [triller genial como o livro]

A PELE QUE HABITO [melhor Almodóvar dos últimos tempos, menos mulheres histéricas, mais hitchcokismo].

E nesse sábado (dia 18/02), a banda “Saco de Ratos” manda ver rock and roll no Club Noir (Rua Augusta, 331) a partir das 23h.

A banda toca em formato acústico e a formação será:

Mário Bortolotto (vocal), Fábio Brum e Diego Basanelli (violões), Fábio Pagotto (baixo) e Rick Vechione (bateria).

O couvert lá morre em R$ 10.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: