burguês fidalgo no municipal

burguês fidalgo no municipal

Marcelo Rubens Paiva

11 de novembro de 2013 | 10h59

Hoje, quarta-feira, o grupo PARLAPATÕES faz uma sessão de O BURGUÊS FIDALGO no MUNICIPAL para arrecadar fundos para reconstrução da SBAT.

O ingresso único é apenas R$ 15,00.

A renda será integralmente revertida para a SBAT.

SBAT, Sociedade Brasileira de Autores teatrais, existe há quase cem anos.

Não é apenas uma organização de classe que representa os direitos dos autores.

Arquiva as peças já escritas e encenadas, originais, adaptações ou traduções.

Serve de agente de autores brasileiros e estrangeiros.

É intermediária na execução de direitos autorais estrangeiros.

Se alguém queria montar um texto do WOODY ALLEN, procurava a SBAT da sua região, que negociava com a “SBAT americana” [são várias], e repassava os valores para o autor.

E o papel mais importante: a SBAT recolhia in loco a porcentagem do autor em peças exibidas no Brasil todo, examinava os borderôs, ficava com uma porcentagem negociável e depositava.

PLINIO MARCOS tinha peças montadas por todo mundaréu. Nem sabia onde, quantas, quem encenava.

Fiscais da SBAT apareciam nos teatros aos domingos, levavam a porcentagem do autor e depositavam na conta do PLINIO.

Vivi anos associado à SBAT, fui representado por ela, registrei peças nela.

Até descobrir HÁ DÉCADAS duas fraudes imperdoáveis:

  1. A montagem de FELIZ ANO VELHO em Portugal, cujo dinheiro foi repassado para a SBAT, que nunca me pagou [uma prima minha viu e fotografou o cartaz do teatro; em Porto; anos depois conheci o grupo que montou, que ficou indignado quando soube que a SBAT não me repassou].
  2. A versão argentina da mesma peça, cujo dinheiro dos direitos não vi a cor.

Desorganização, relapso, má fé? Nunca me explicaram o que aconteceu com esse dinheiro.

Como eu, muitos autores se sentiram traídos e largaram a SBAT.

Como eu, ficaram órfãos, sem quem os defendessem.

Mas a SBAT vive agora um processo de reconstrução, SOB NOVA DIREÇÃO.

Porque não podemos viver sem ela.

Fundada porn CHIQUINHA GONZAGA e JOÃO DO RIO, está nas mãos agora do nosso ídolo ADERBAL FREIRE FILHO.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.