Brasil de Bacurau na capa da Cahiers

Brasil de Bacurau na capa da Cahiers

Marcelo Rubens Paiva

04 de setembro de 2019 | 20h16

Cahiers du Cinéma não é apenas uma revista de cinema.

É um movimento cultural, uma escola, aponta referências, revela talentos.

Nela, o realismo italiano foi debatido, o nosso cinema novo descoberto. Dela, saiu a nouvelle vague.

Chabrol, Godard e Truffaut eram críticos dela, quando decidiram também fazer cinema.

A revista francesa começou em 1951, sobre uma Europa que se recuperava das duas grandes guerras, e uma indústria cinematográfica renascendo, com gente de cineclubes: Bresson, Cocteau e Rohmer.

Na edição de setembro, Bacurau está na capa. Com o título: O Brasil de Bolsonaro.

Très chic.

Tendências: